Quem é Iemanjá? História da Deusa / Orixá Rainha do Mar

Sabe quem é Iemanjá? O que significa seu nome? Deseja conhecer mais da história dela e uma visão arquetípica? Este post é para você!

Eu também conto a história de Iemanjá no vídeo abaixo:

Deusa / Orixá Iemanjá por Menote Cordeiro.
Deusa / Orixá Iemanjá por Menote Cordeiro.
Foto Perfil DanFF 2021 (150x150)

Olá, tudo bem? Você já faz conhece meu canal no YouTube?
Todo o conteúdo é gratuito!
Entre, se inscreva e deixe um comentário por lá! Respondo a todos!

Quem é Iemanjá?

Considerada a Mãe de toda a vida, Iemanjá (também grafada Yemanjá) é uma Deusa / Orixá Africana, portanto ela pertence ao panteão Iorubá (Yorubá). Ela é extremamente amorosa e protetora, além disso ela e é frequentemente chamada de Rainha do Mar. Inclusive há uma música de Maria Bethânia em sua homenagem com este título que é um verdadeiro hino à Deusa.

Podemos até dizer que esta música está para ela como os Hinos Órficos estão para as Deusas Gregas.

É dito que ela cura a infertilidade feminina e conforta aqueles em desespero. Logo, assim como a água, ela representa mudança e constância, trazendo vida, protegendo-a e mudando-a conforme necessário. Geralmente é calma, mas quando fica nervosa pode ser tão destrutiva quanto uma tempestade em alto mar.

Qual o significado do nome dela?

O significado de Iemanjá vem da expressão Iorubá “Yeye omo eja” que significa “mãe das crianças que são como peixes”, “aquela que protege suas crianças”. Sendo assim, seu espírito maternal, marítimo e fértil e traduzido já no nome.

Além disso, a Deusa também é conhecida por diversos outros nomes, como por exemplo: Yemaya, Yemana, Yemoja, Janaína e Mãe D’água.

Na música citada acima, Maria Bethânia canta:

Quanto nome tem a Rainha do Mar?
Quanto nome tem a Rainha do Mar?

Dandalunda, Janaína,
Marabô, Princesa de Aiocá,
Inaê, Sereia, Mucunã,
Maria, Dona Iemanjá

Iemanjá Rainha do Mar por Rafael Bernardes
Iemanjá Rainha do Mar por Rafael Bernardes

Qual é o dia dela?

O dia de Iemanjá é o dia 2 de Fevereiro. Portanto, neste dia diversas celebrações são feitas em homenagem à Deusa, principalmente em cidades litorâneas pelo Brasil. A maior delas acontece em Salvador (BA).

As celebrações geralmente incluem procissões onde uma estátua da Deusa / Orixá é carregada até o mar. Seus fiéis devotos vestem branco e azul, cores sagradas da Deusa, e a cortejam até o mar. Oferendas são feitas à Deusa e bênçãos são pedidas posteriormente.

Salve Yemanjá (Iemanjá)
Salve Yemanjá

Quais as características da Rainha do Mar?

Abaixo estão algumas características da Rainha do Mar:

  • Deusa / Orixá do oceano;
  • Deusa / Orixá da água corrente;
  • Renovação, novos começos, ano novo;
  • Filhas e filhos, amor maternal;
  • Fertilidade;
  • Conforto;
  • Amparo.

Primeiramente, ela é retratada como uma sereia ou uma bela mulher em pé sobre as ondas do mar. Suas roupas sempre alternam entre azul e branco. Como é uma Deusa / Orixá Iorubá, ela possui pele negra.

Contudo, existem também imagens e desenhos da Deusa com a pele branca, com um visual mais próximo dos santos Católicos e cultuada, muitas vezes, por cristãos. Mas, convenhamos, ela é negra, assim como Iansã, Oxum e todos os outros Orixás. Por isso todas as ilustrações deste post mostram ela negra, com toda sua beleza.

Para conhecer outras Deusas / Orixás já postadas aqui no Santuário Lunar, visite a seção Deusas Iorubás. Para saber mais sobre Orixás em geral e o culto na Umbanda, visite o site WeMystic.

Quando se trata de se importar com os outros ela é sincera e reconfortante e tem um amor por crianças sem igual. Consequentemente, essa Deusa / Orixá nos lembra que podemos aguentar até as piores catástrofes e que, assim como as ondas do mar, nossa vida está em constante movimento e mudança.

Nunca devemos ficar contra a correnteza, mas sim aprender a navegar nela sem nunca nos deixarmos levar. Podemos aprender com Iemanjá como aproveitar o melhor dos “altos e baixos” da vida, assim como ela conduz as marés.

História de Iemanjá - Orixá Rainha do Mar
Iemanjá – Orixá Rainha do Mar
Trismegistia Brasil

Siga Trismegistia no Spotify

Qual a história de Yemanjá?

A história de Yemanjá conta que ela é filha de Obatalá, o criador do mundo. Assim, já percebemos o quão poderosa ela é. Ela teve um filho com o seu irmão Aganju, chamado Orungã. Contudo, Orungã se rebelou contra o pai e estuprou violentamente sua mãe quando se tornou adolescente. Por isso, quando ameaçada de estupro por ele uma segunda vez, Iemanjá fugiu para o topo de uma montanha, onde começou a chorar sem parar.

Em seguida, do alto da montanha e em imensa tristeza, ela decidiu dar fim à sua vida, inundando o mundo enquanto morria e criando os 7 mares. Dos seus ossos nasceram Obafulom e Lyaa, os primeiros humanos.

Dizem que um dos presentes deixados à humanidade por Yemanjá é uma concha do mar, na qual sua voz pode ser ouvida quando encostada na orelha.

Iemanjá por Armando Romanelli de Cerqueira
Iemanjá por Armando Romanelli de Cerqueira

Iemanjá no Tarot da Deusa

Deusa Iemanjá (Yemana) no Goddess Tarot
Deusa Iemanjá (Yemana) no Goddess Tarot

A Deusa Iemanjá é uma das Deusas presentes no Tarot da Deusa de Kris Waldherr . A carta número XIV, Yemana, representa o Equilíbrio.

Yemana, a Deusa Iorubá (de todos os santos) do mar é frequentemente invocada para trazer a chuva, a água que traz vida e nutre a terra, como os líquidos do ventre fértil. Ela simboliza o equilíbrio divinal ente o céu e a terra.

DanFF

Sou Daniel, Pagão e Bruxo. Criei o Santuário Lunar para ajudar a espalhar a magia da Deusa e suas diversas manifestações. Também criei Trismegistia para oferecer música pagã ao estilo New Age.

Leave a Comment

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.